Blog > TESTES DE DESEMPENHO - PARTE II - Principais tipos de teste

15/fev

Nesse post abordaremos os principais tipos de teste e seus respectivos objetivos.

Falae galera!

Continuando nossa série sobre testes de desempenho, é importante observar que existem tipos de teste que avaliam subcategorias relacionadas ao desempenho. Vou listar dois aqui:

  

  • Teste de Carga: tem como objetivo determinar ou validar características esperadas para o sistema quando, ao simular essas funções em produção, for submetido à carga e volume de trabalho. Também se observam essas características e comportamentos quando o sistema for submetido a um período prolongado de utilização.
  • Teste de Estresse: tem como objetivo verificar o comportamento do sistema em situações com servidores com memória limitada, espaço em disco insuficiente, ou falha do servidor. Esse tipo de teste deve ser projetado para identificar e determinar em que condições o sistema irá falhar, como vai falhar. Também pode ser utilizado para determinar indicadores que podem ser monitorados para avisar caso alguma falha seja iminente.

Segue lista de principais possibilidades de avaliação para cada tipo de teste.

Teste de Desempenho

  • Determina as características de velocidade, escalabilidade e estabilidade de uma aplicação, proporcionando assim insumo para a tomada de decisões de negócio sólidos;
  • Concentra-se em determinar se o usuário do sistema ficará satisfeito com as características de desempenho do aplicativo;
  • Identifica discrepancias entre expectativas e a realidade relacionada ao desempenho;
  • Suporta tuning, planejamento de capacidade e esforço de otimização;

Teste de Carga

  • Determina a vazão necessária para suportar o de pico de produção;
  • Indica a adequação de um ambiente de hardware;
  • Avalia a utilização de um balanceador de carga;
  • Detecta problemas de concorrência;
  • Detecta erros de funcionalidade ocorridos em situações de carga;
  • Coleta de dados para fins de escalabilidade;
  • Indicado para estimar quantos usuários podem acessar simultâneamente o sistema antes de o desempenho ser comprometido;
  • Indicado para estimar a capacidade de utilização dos recursos de hardware antes de ocorrer sua sobrecarga;

Teste de Estresse

  • Determina se os dados são corrompidos por sobrecarga do sistema;
  • Fornece uma estimativa de quão além da carga alvo é possível suportar antes de o sistema apresentar falhas, além de lentidão;
  • É util para ajudar a estabelecer gatilhos para alertar sobre falhas iminentes;
  • Avalia se vulnerabilidades de segurança ocorrem por condições estressantes.

É fundamental que se tenha um bom entendimento a respeito do projeto. Informações sobre o ambiente (servidores de aplicação, banco de dados, recursos de rede, balanceador de carga, etc .) e expectativas sobre os critérios para aceitação do produto são essenciais para se executar as atividades de planejamento e projeto para os testes de desempenho.

Por enquanto é só galera!

No próximo post, veremos as principais atividades necessárias a realização de testes de desempenho.

TESTES DE DESEMPENHO - PARTE III - Guia de atividades

Muitas dúvidas? Sinta-se a vontade para me mandar email. Meu email encontra-se no topo desta tela, assim como meu mini currículo.

Espero que vocês tenham gostado, e até a próxima pessoal!

POSTS RELACIONADOS

AGENDA

CURSOS RELACIONADOS